Voltar

Orgânicos

Verduras e legumes que ajudam o intestino

Conheça seis alimentos ricos em fibras que regulam o fluxo intestinal e combatem a constipação, mal que atinge 20% da população mundial.

Hábitos errados como a má alimentação, sedentarismo e estresse são considerados os principais motivos pelos quais muitas pessoas acabam desenvolvendo problemas intestinais. Profissionais indicam que usar medicamentos como, por exemplo, o famoso  laxante, não é recomendado, pois, a longo prazo, pode ocasionar uma espécie de dependência e não surtir mais efeitos no organismo.


Para melhorar o funcionamento do intestino o ideal é começar prestando atenção no que você está comendo. Alimentos ricos em fibras e água são os que mais favorecem o trânsito intestinal. No caso das fibras, elas são responsáveis por aumentar o fluxo intestinal, além do volume e peso das fezes. Quando há o baixo consumo de fibras, associado à baixa ingestão de líquidos, o trânsito intestinal se torna lento e as fezes ressecadas, reduzindo o número de evacuações.


Vale ressaltar que a constipação intestinal é uma das principais complicações relacionadas ao baixo consumo de fibras, afetando cerca de 20% da população mundial. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a recomendação de fibras para um adulto saudável é de mais de 25g ao dia.


E onde encontramos as fibras que ajudam o intestino? Nos alimentos de origem vegetal, como é o caso dos legumes e dos vegetais. Se optar pelos orgânicos, as vantagens para sua saúde duplicam. Mas quais são os tipos mais indicados para o consumo diário conferindo a lista abaixo e não descuide da sua saúde.


1. ABOBRINHA – Possui baixo teor de sódio e reduz a retenção de água, o que facilita a eliminação de toxinas e gorduras. Sendo repleta de fibras, acelera o trânsito intestinal e, ainda, auxilia na perda de peso.


2. AGRIÃO – Além das suas fibras apoiarem a digestão e o bom funcionamento do intestino, o agrião também tem ação antioxidante, ou seja, combate os chamados radicais livres. Tais elementos se formam naturalmente no organismo devido a fatores como estresse, poluição, falta de sono, má alimentação e exposição ao sol sem proteção.


3. ALFACE - Uma das fibras presentes na alface é a pectina, que é solúvel e forma um gel que, em contato com a água, permite que o intestino funcione melhor.


4. BERINJELA -  Auxilia no combate contra colesterol uma vez que absorve as gorduras dos acompanhamentos com ela. Por exemplo, se fizer uma lasanha e intercalar a massa com fatias de berinjela você estará reduzindo a gostidsa da refeição. Além disso, o legume reduz as toxinas no organismo e regula o trânsito intestinal, dispondo de um alto índice de fibras, que previne a prisão de ventre.


5. COUVE – Essa folha saborosa contém um alto teor de fibras em sua composição, agindo como um prebiótico, ou seja, promove a melhora do funcionamento intestinal e previne a constipação.


6. RÚCULA - É fonte de vitamina A e C, além de conter cálcio, potássio, ferro e ômega 3, que atuam contribuindo para o bom funcionamento do intestino, além de prevenir doenças como câncer de cólon.


Se você não costuma consumir esses alimentos, comece aos poucos: escolha um deles e insira na sua rotina alimentar. Ou consuma de forma alternada: couve refogada em um dia, uma abobrinha assada no outro, salada de alface periodicamente… O importante é dar o primeiro passo para tornar sua vida melhor!