Voltar

Orgânicos

Os tecidos também podem ser orgânicos

Ao decidir comprar uma roupa fabricada com fibra orgânica, saiba que ela vai durar muito mais tempo pois não passou por produtos corrosivos em sua fabricação.

Os tecidos orgânicos são tecidos cuja fabricação não causou problemas ou danos à saúde da natureza, dos seus produtores, dos animais e dos fabricantes. Na produção destas fibras têxteis também não são utilizados agrotóxicos nem pesticidas no processo do plantio, manejo e colheita, ou então, medicações em excesso para os animais lanosos, o que garante a qualidade do meio ambiente como um todo. Geram peças de roupa ou acessórios naturalmente antialérgicos, por isso recomendados para quem tem pele sensível.

Uma das vantagens de se comprar uma roupa fabricada com fibra orgânica é a durabilidade. Como os tecidos não tem produtos corrosivos ou passaram por processos químicos complexos em sua fabricação, tornaram-se mais duráveis. Inclusive por isso elas podem ser usadas em várias temporadas, diminuindo o excesso do consumo muitas vezes estimulado em excesso pela indústria da moda.

Segundo o Rodale Institute, empresa norte-americana pioneira na pesquisa científica de agricultura orgânica, a plantação (orgânica) auxilia na diminuição da exposição a toxinas tais como pesticidas e inseticidas. No caso do vestuário, evita-se inclusive que tais químicos entrem em contato com a pele. 

O algodão, a lã, a seda e o cânhamo são os tecidos orgânicos mais conhecidos. Abaixo, estão alguns detalhes sobre cada um deles:


Algodão orgânico

É o tecido orgânico mais conhecido no mercado. É oriundo de sistemas sustentáveis que não utilizam agrotóxicos, adubos químicos ou outros insumos que prejudiquem a saúde humana e o meio ambiente. Na produção do algodão orgânico é mantida e recuperada a fertilidade e a vida dos solos.

 

Lã orgânica

Essa lã é originária dos pelos de ovinos criados organicamente, ou seja, sem rações industrializadas ou então excesso de medicamentos. O tecido feito de lã é um importante isolante térmico, não propaga chama e não amassa. Na produção da lã orgânica a quantidade de ovelhas é limitada por área, a alimentação é natural e não há química alguma nos pastos. 

 

Seda orgânica

Produzida manualmente, a seda orgânica não utiliza químicos no manejo do bicho da seda. O fio que ela gera não é tão fino como o da seda industrializada, apresentando alguns "nós", contudo, essa textura mais rústica é o que torna o tecido ainda mais especial. Alguns fios acabam, por conta disso, gerando mais peças de decoração do que de roupas. 

 

Cânhamo

O cânhamo é uma fibra natural muito resistente, que dispensa pesticidas e precisa de pouca água para crescer. Por isso os agricultores costumam manter plantações de cânhamo ano após ano. As fibras podem ser aproveitadas na indústria têxtil, mas também em cosméticos, decoração e na fabricação de papéis. Para que o resultado final seja menos rígido, as fibras geralmente são misturadas com algodão ou seda.

 

Em tempo: nos quatro casos o tingimento é realizado com corantes naturais, evitando a contaminação do solo e dos lençóis freáticos. Os tecidos são tingidos com a utilização de pigmentos oriundos da biodiversidade brasileira, tais como cascas de cebola, folhas de manga e sementes de urucum, só para citar alguns exemplos.