Voltar

Bem-estar

Contra o relógio e a favor da saúde: como comer sem pressa

O tempo é inimigo da saúde quando o assunto é alimentação saudável. Fazer uma pausa para comer com calma faz parte de uma rotina e dieta equilibradas.

Precisamos ter uma relação positiva com a comida: entender que ela é nutriente e que, por isso, devemos buscar alternativas saudáveis para manter o corpo funcionando plenamente. O alimento não é um inimigo e consumir em menor quantidade frituras, açúcares e produtos industrializados deve ser com certeza uma prioridade. Mas é preciso ter em mente que uma alimentação saudável não se resume às escolhas alimentares. É necessário, também, ficarmos atentos à forma como comemos. Você presta atenção nas suas refeições? Come sentado à mesa ou no sofá vendo tevê? Quando come, dedica tempo à mastigação ou engole tudo "inteiro"?


Comer muito rápido e sem a devida atenção à refeição pode causar diversos problemas de saúde, como irritação no estômago, dores e azia - pois os alimentos chegam praticamente sólidos ao estômago, o que dificulta bastante a digestão. Há, ainda, a possibilidade do ganho de peso, pois quando comemos sem pensar no que estamos fazendo não damos ao cérebro o tempo de “entender e se satisfazer", assim, ingerimos mais do que precisamos de fato.



Reserve o tempo para as refeições


Quando você se planeja, consegue executar tudo com mais calma e atenção. Essa regra vale para várias áreas da nossa vida, inclusive a alimentação. Quando você coloca as refeições no seu cronograma prevê o tempo para se alimentar de forma correta, pois não precisa “resolver o almoço” com pressa.


Lembre-se que o cérebro demora de 15 a 20 minutos para avisar ao corpo que está saciado. Então, se você come em 5 minutos, acaba consumindo mais alimentos do que precisa ou sente fome ao longo do dia porque, teoricamente, ainda "não se alimentou o suficiente".



Pause: o mundo não vai acabar por isso


Você está com pressa, sua equipe está mandando mil mensagens no WhatsApp, seus colegas de trabalho pediram ajuda para um projeto paralelo… A correria é grande e parar pra comer parece perda de tempo, mas não é. O corpo precisa desse momento. Você precisa desse momento.


Mesmo que esteja de agenda lotada, mastigue devagar, pois assim vai estimular a produção dos hormônios da saciedade e reduzir a produção dos hormônios da fome. Entenda que a sua refeição é preciosa e foi planejada para ser sem pressa. É um momento seu com você mesmo, então aproveite-o!



Aprecie e preste atenção no prato


Sente-se à mesa - e não no sofá - para fazer a sua refeição. A cada garfada, lembre-se de mastigar suficientemente os alimentos. Entre uma garfada e outra, repouse os talheres, saboreie de verdade, sinta as texturas, aprecie os cheiros. Comer em frente à televisão ou computadores faz com que você não perceba o que ou quanto está comendo. O mesmo vale para o celular, que deve ser deixado de lado. Como se diz popularmente: "ninguém vai morrer" se você demorar 15 minutos para responder a uma mensagem.


Se você trabalha fora e vai a restaurantes, escolha aquele mais próximo do escritório para evitar o deslocamento. Assim, você ganha valiosos minutos para curtir melhor a refeição. E caso seu horário de almoço seja muito curto, opte pela marmita, prática que economiza tempo.


Comer é prazeroso. Famílias transformam o almoço de domingo em um evento porque, ao redor da mesa, todos socializam, conversam e se divertem enquanto se nutrem. As pessoas "vivem o momento" da refeição. Então, se organize para não comer "no automático" e aproveite seus pratos integral e calmamente no dia a dia.