Conheça os sintomas da intolerância a lactose

Nós já explicamos aqui que a lactose é um açúcar presente no leite de origem animal e seus derivados, o qual é digerido pela lactase, enzima que é produzida pelo organismo. A intolerância acontece quando produzimos menos lactase e a lactose consumida não é bem absorvida. Mas como saber que o corpo é intolerante à lactose? Neste post vamos conversar sobre isso.


Sintomas da intolerância à lactose

Os sintomas da intolerância se manifestam entre alguns minutos e horas (dependendo do grau do distúrbio digestivo) após o consumo de leite, derivados (manteiga, creme de leite, leite condensado, etc) ou alimentos com leite na composição (sorvetes, cremes, mingaus, pudins, bolos, etc).

São sintomas da intolerância à lactose: 

  • distensão abdominal,
  • cólicas,
  • diarreia,
  • flatulência (excesso de gases),
  • náuseas,
  • ardor anal e assaduras (provocados pela presença de fezes mais ácidas).

O mal-estar é sentido na região intestinal porque, como a lactose não é absorvida corretamente, ela chega ao intestino grosso, onde se acumula e é fermentada por bactérias que fabricam ácido láctico e gases.


O que fazer com a suspeita de intolerância à lactose?

Ok, você percebeu que sente vários destes sintomas. Então, é importante que consultar um médico e fazer um exame para confirmar o quadro, seja por teste de sangue ou pelo teste respiratório de hidrogênio (H2). Apesar do diagnóstico caseiro, feito a partir do corte de alimentos com lactose da rotina alimentar, é essencial que você procure um especialista para identificar o quadro correto. A resistência do sistema digestivo pode significar outras doenças, como colite e Doença de Crohn, que são confundidas com intolerância à lactose.


Tenho intolerância, o que fazer?

Confirmado o quadro, é importante perceber qual o grau da intolerância. A depender do problema, o médico irá dizer se você pode consumir alimentos com baixos índices de lactose ou produtos de origem animal com a adição da enzima lactase, que neutraliza o açúcar. Em casos mais extremos, que são classificados como alergia, você poderá consumir apenas produtos de origem vegetal, como:


  • leites a base de arroz, coco, soja, amêndoas, aveia e cânhamo, entre outros;
  • iogurtes a base de arroz, soja ou coco;
  • queijos a base de arroz, soja (tofu), amêndoas e cânhamo;
  • margarina vegetal (no lugar da tradicional);
  • sorvetes a base de frutas


Atenção: antes de comprar, sempre leia atentamente o rótulo e a embalagem, especialmente a relação de ingredientes que está em letras miúdas. Alguns produtos que aparentemente não tem leite podem contar pequenas quantidades do ingrediente ou derivados em sua formulação.